QUASE POESIA, n. 129

Uma vida barulhenta
E agitada
Oculta uma alma triste
e angustiada.

Comentários