QUASE POESIA – n. 32 (22/XII/2016)

Aos vinte e cinco dias do mês de dezembro
Eis que chega aquele tão esperado momento
Em que nosso coração manjedoura tornar-se
Para acolher o Verbo divino que se fez carne.

Comentários