Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2014

O LANCEIRO FARROUPILHA

Por Dartagnan da Silva Zanela
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
1. É incrível como o uso apropriado das palavras camufla o sentido literal das ações humanas. Ao invés de dizer caixa dois, fala-se em “recursos de campanha não contabilizados”. Ao invés de falar, na cara dura, censura, diz-se, de maneira aliciante, “controle social da mídia”. A canalhice rubra, a sua sanha por poder, não tem limites.
2. Quem diz que faz qualquer coisa para permanecer no poder não tem o menor amor pela república. Quem diz que faz qualquer coisa para não sair do palácio não passa dum tirano populista que enxovalha a democracia.
Dizer que está cagando e andando para a tragédia institucional que assola nosso país é uma forma bem sem vergonha de disfarçar o medo que está nos dominando de cabo a rabo.
3. A palavra democracia cabe na boca de qualquer um, inclusive e principalmente, na daqueles querem destruí-la em nome duma vil tirania que, por sua deixa, irão chamar de democracia plena ou popular.
4. Na déc…

Olavo de Carvalho analisa o papel de Aécio Neves nas eleições de 2014

VOEGELIN, Eric; STRAUSS, Leo. Fe y filosofía. [pdf]

Roda Viva | Valentim Gentil Filho | 04/11/2013

29º Domingo do Tempo Comum - César não é Deus

Fonte: https://padrepauloricardo.org/

NADA DE TRIPAS

Redigida no dia 15 de outubro de 2014. Dia de Santa Tereza D’Ávila, Vigésima oitava semana do Tempo Comum.
Por Dartagnan da Silva Zanela
- - - - - - - - - - + - - - - - - - - - -
Enfim tivemos o primeiro embate entre os presidenciáveis nesse segundo turno. O espetáculo era esperado com grande ansiedade pela sociedade. Não eram poucos os pregões de apostas. A venda de bandeirinhas e cornetas era farta. Não tinha nenhum cambista, haja vista que a entrada na arena era franca através da janelinha televisiva.
A expectativa era de que houvesse sons de ossos trincando, tripas e vísceras de todos os tipos esparramadas pelo chão e sangue levemente respingado nas paredes, para dar aquele toque de selvageria. Mas não houve nada disso. Os dois contendores até pareciam bem abestados para meu gosto. Abestados até demais. Sim, meu caro Watson, debate é um esporte sangrento em que apenas os capacitados e devidamente preparados estão autorizados a participar. Caso contrário, fuja louco!
Tal qual uma lut…

PENSAMENTOS SOLTOS

Por Dartagnan da Silva Zanela
- - - - - - - - - - + - - - - - - - - - -
1.  Uma das coisas mais mesquinhas que pode haver é um grupo de indivíduos que arroga o monopólio da virtude, da bondade e da grandeza. Em regra, quanto esses tipos aparecem e se manifestam através de seu palavrório sobre a suposta onipresença de sua magnanimidade, esses o fazem para melhor encobrir a mesquinhez de seus atos e a soberba de suas intenções. Indivíduos que sempre se vêem e se apresentam como sendo infalivelmente boas são justamente os sujeitos invariavelmente maus, incapazes de reconhecer as nuanças que existem entre luz e trevas. Por isso, sempre se colocam acima e além do bem e do mal, como uma espécie de deidade sombria que realiza toda ordem de baixeza em nome duma benevolência que inexiste em seu coração e em suas intenções.
2.  O Brasil está cheio de pessoas que nutrem quase que uma fé religiosa em torno do socialismo, uma esperança secular de que a realização dos ditames dessa ideologia traria a…

OLHA O SEGUNDO TURNO AÍ GENTE!

Redigida no dia 06 de outubro de 2014, de São Bruno, eremita, da Santa Maria Francisca das Cinco Chagas e do Beato José Rubio. Vigésima sétima semana do Tempo Comum.
Por Dartagnan da Silva Zanela - - - - - - - - - - + - - - - - - - - - -
Uma apuração relâmpago! Primeiro a gente fez tec tec, depois a urna fez pililim e tchá tchá tchá! Já temos a apuração dos votos e o Brasil todo já sabe quem são os candidatos eleitos e aqueles que irão pelejar a guerra política na segunda rodada.
A eficiência hi tec impressiona. A organização da Justiça Eleitoral também. Porém, as regras para encenação do espetáculo deixam a desejar e pode-se, penso eu, melhorar significativamente, se num duelo eleitoral futuro forem adotadas medidas simples que tornem o pleito mais competitivo. Uma delas seria acabar com o horário eleitoral “gratuito”.
Isso mesmo! Negócio patético esse de horário eleitoral. O que sobra de trejeitos furibundos, fruto do marquetismo, falta em termos políticos. Isso sem falar na apresenta…