APONTAMENTOS NATALINOS

Escrevinhação n. 1081, redigida no dia 24 de dezembro de 2013, dia de Santa Paula Isabel Cerioli, véspera de Natal.

Por Dartagnan da Silva Zanela


Um bom ungüento para as feridas advindas da corrupção política em nosso país é uma dose cavalar de caridade. Caridade essa que deve ser bebida por cada um de nós, não pelos políticos. Esses não têm cura. Por isso, apenas rezemos por suas almas.

Agora, eu e você, podemos e devemos tomar uma boa dose desse santo remédio. Sim! E tal atitude poderá ter um efeito terapêutico sobre os biltres que se lambuzam nas úberes estatais.

Ora, ao invés de, soberbamente, mandarmos os mais humildes baterem a porta dos donos do poder para pedir auxílio (como ocorre muitas vezes), estendamos, generosamente, a nossa mão a eles.

Isso! Dê esmolas, entregue um rancho mensalmente para uma família, doe suas roupas sem uso, preste algum serviço comunitário, ensine algo a alguém, enfim, inunde seu coração com o amor que nos foi ensinado pelo Verbo divino, estenda sua mão para aqueles que tanto precisam de auxílio, do seu auxílio.

Não se preocupe com a reação, com a gratidão ou com qualquer forma de compensação. Isso é mesquinharia. Seja apenas gentil, fraterno e nada mais. Agindo assim, sobrará menos espaço para as maledicências de nossa classe dirigente.

Sem mais delongas, vale lembrar, e não esquecer, duas verdades: (i) O que fortalece os mandos e desmandos dos donos do poder é a nossa soberba perante os mais fragilizados.  (ii) Sejamos magnânimos perante os que padecem para que os políticos empalideçam diante da generosidade sem segundas intenções.

Resumindo o entrevero: imitemos a Cristo e sejamos mansos e humildes de coração e não mais orgulhosos e soberbos descuidados das obras e de desdenhosas orações. Tais gestos não mudarão o mundo, não mesmo. Mas nós seremos mudados por tais ações.

Pax et bonum
Site: http://zanela.blogspot.com
e-mail: dartagnanzanela@gmail.com 

Comentários