O PODER DAS PALAVRAS

Palavras são como pontes que ligam a realidade da alma humana à realidade objetiva do mundo que a circunda. São pontes que ligam um desejo e uma intenção humana a um objeto que é desejado ou foco de um intento pessoal ou grupal.

Quando essas fazem-se claras são verdadeiros gestos miraculosos que iluminam a vida e permitem que possamos transcender a pequenez em que nos encontramos. Todavia, quando essas são maculadas por intenções turvas embaladas por desejos malévolos, as palavras transfiguram-se em muralhas que nos ilham, que nos isolam do real, inclusive de nós mesmos.

Aliás, com grande facilidade, transformamos os meios de elevação em um instrumento de miséria e baixeza. Basta que vivamos uma vida apartada das virtudes para que nossos vícios maculem tudo o que tocamos, inclusive, as palavras que nos servimos.

Pax et bonum
Dartagnan da Silva Zanela,
em 14 de fevereiro de 2011,
dia de São Cirilo, São Valentim
e São Metódio.

Comentários